Seção: Exercícios Mentais

Aula 38 – Ser Honesto e Civilizado

Hoje aprenderemos: Ser Honesto e Civilizado

*

A corrupção é uma das maiores chagas da humanidade, senão a maior. Por meio dela, grandes valores em dinheiro são desviados de sua finalidade.

As pessoas, ainda não despertas para as realidades do universo (múltiplos universos dimensionais e imortalidade da alma), importam-se apenas com o enriquecimento imediato para aproveitar ao máximo os gozos da vida material, isto é, da rápida e limitada vida desta dimensão vibratória.

Assim, não se importam em vender seus ideais ou fraudar documentos, desde que recebem compensação monetária em troca.

Esse é o corrupto clássico, identificado facilmente na figura do político desonesto.

Mas, não é apenas o político que pratica corrupção.

Qualquer pessoa que obtém vantagem indevida praticou uma espécie de corrupção. Nesse sentido, lesou a coletividade e, por consequências, as leis divinas, gerando endividamento do espírito a reclamar resgate em vidas próximas.

Aquele que fabrica produtos piratas, aquele que compra produto sabidamente pirata, aquele que sonega imposto do Estado, aquele que puxa “gato” do vizinho (energia ou Tv a cabo), aquele que pede recibo em valor maior para lucrar na hora do ressarcimento que é feito pela empresa, aquele que apresenta atestado médico falso, aquele que aponta motorista diferente para não receber os pontos na CNH, aquele que oferece suborno ao guarda (“cafezinho”), aquele que pede para o servidor público passar o caso dele na frente mediante presente, aquele que combina com o empregador de ser mandado embora para receber seguro desemprego enquanto trabalha em outro serviço sem registro, aquele que retira da empresa produtos e leva para casa (lápis, clips, folhas, canetas, etc), aquele que não devolve o troco que veio a mais, aquele que para na vaga de deficiente ou idoso (mesmo que “só por um minutinho”), estão praticando atos de corrupção, lesando a sociedade em que está inserido, violando as leis divinas e endividando-se espiritualmente.

Além disso, essas pequenas corrupções criam um cenário de legitimação das grandes corrupções, na medida em que essas mesmas pessoas que são consideradas “espertas”, quando eleitas, também aceitarão a corrupção, “porque faz parte da sociedade”.

Ora, como é possível a pessoa querer viver em dimensões vibratórias mais evoluídas se não consegue nem mesmo respeitar as leis de uma dimensão vibratória menos evoluída?

Soma-se ainda, os atos de civilidade, que caracterizam as pessoas que já conseguem viver em níveis maiores de real fraternidade: dar assento para idoso/gestante/pessoa com deficiência física, não jogar lixo na rua, ser pontual em seus compromissos, não deixar a luz acessa sem necessidade, economizar água, separar o lixo para favorecer a coleta seletiva, inspecionar o quintal/calhas/caixa d’água para evitar dengue, ceder lugar na fila para idoso/gestante, não ter o palavrão (palavras de baixo calão) como algo normal, não compartilhar em mídias sociais mensagens de ódio/calúnia/pornografia/difamação.

Infelizmente, se ainda não conseguimos seguir essas condutas básicas de civilidade, não estamos aptos a viver em regiões minimamente evoluídas do plano espiritual.

Importante entender que após a mudança de dimensão vibratória (morte do corpo físico) não deixamos de ser quem somos. Assim, tais condutas devem ser adotadas de imediato em nossa vida diária e no convívio familiar/trabalho/amigo.

Dessa forma, criamos hábitos mentais de condutas condizentes com um nível superior de vida, ao menos, considerada correta nessa dimensão que estamos vivendo.

Voltamos a afirmar: se não conseguimos nem mesmo seguir as condutas corretas desta dimensão vibratória, conhecida ainda por seu baixo nível evolutivo (mundo de expiação), como podemos desejar viver em regiões mais desenvolvidas do chamado mundo espiritual?

Adotando uma conduta de vida idônea, correta, honesta, com civilidade, alinhamos nosso caráter ao nível de espíritos sérios, atraindo para convívio mental diário espíritos voltados para o Bem e responsáveis, afastando espíritos infelizes e doentes, resultando em melhor qualidade de vida e efetiva reforma íntima.

*

Instale o aplicativo Periscope e siga @BrenoCosta, teremos aulas e palestras ao vivo, sem custo, basta instalar, cadastrar e seguir.

*

Mensagem psicografada no dia 19/03/2015.

6 Comentários

Diogo { 19 de março de 2015 às 18:02 }

Muiti verdadeiro. Se desejas o bem, precisas agir no bem.

Dani Lara Rodrigues { 23 de julho de 2015 às 14:37 }

Não é um comentário, mas sim uma pergunta: se adotamos uma postura correta perante a sociedade que estamos inseridos e perante Deus, mudaando de verdade, podemos evoluir ou ainda assim teremos que “prestar contas” destas pequenas condutas incorretas. Existe alguma forma de reparar os atos ruins que tivemos ainda nesta vida?

Breno Costa { 24 de julho de 2015 às 15:29 }

Com certeza Dani Lara.
É isso que devemos fazer.
Ora, se não conseguimos seguir nem mesmo as leis mais simples da vida em sociedade, o que dirá as leis divinas.
Devemos nos esforçar para seguir sim, todas as leis e sermos civilizados, educados, dignos.
Os pequenos erros que cometemos, seja qual for, “conta” no sentido de que, naturalmente, causam um desequilíbrio em nossa mente. Atuando no Bem, na prática da caridade, ajudando os outros, sendo corretos, estudando o evangelho, frequentando casa de oração, tendo o hábito da oração, da meditação, da leitura edificante, estaremos restabelecendo nosso equilíbrio espiritual, evoluindo e usufruindo de qualidade de vida já agora.
Abraços,

Leonardo Minowa { 27 de julho de 2015 às 8:14 }

Queremos mais exercícios :)

Vaney Lúcia Faria Leite { 11 de setembro de 2015 às 1:43 }

Como faço prá acessar aula 05?

Breno Costa { 11 de setembro de 2015 às 10:32 }

Basta navegar no site, no lado esquerdo tem o link “exercícios mentais”.
Aí vc tem acesso a todas as aulas.
Abraços.

Deixar um Comentário

Mensagens
Palestras todas as terças-feiras às 20:00 hrs no Núcleo Espírita - Amor e Paz
Rua Coronel José Bráz, 682 - Marília / SP

Clique aqui para ver a localização no mapa
| Clique para entrar em contato